Celulite – como evitar, tratamentos

Celulite - como evitar, tratamentos

veja como prevenir e evitar a celulite

Celulite é um mal que atinge 95% das mulheres. Atinge mais as áreas das coxas e o bumbum das mulheres, sendo facilmente reconhecida. O maior problema da celulite é o seu efeito na pele, “deformando-a”, deixando buracos ou marcas nas regiões afetadas. Isso atinge a autoestima de qualquer pessoa, assim como estrias (consulte: como acabar com estrias)

Como evitar a celulite

A Celulite é crônica e até o momento, não tem cura. Entretanto, você pode tomar algumas medidas para evita-las. Veja quais são as principais causas da celulite: Má alimentação, levar uma vida sedentária, lordose exagerada, bebidas alcoólicas, anticoncepcionais, transtornos ortopédicos, problemas no fígado, estresse, excesso de sal nos alimentos, cigarro, entre outros fatores. E dois fatos curiosos: a celulite piora durante a gravidez e, na região afetada, a pele é mais fria”.

Usar roupas apertas não dá celulite, entretanto, quando a roupa está muito aperta, ela acaba comprimindo os vasos, deixando assim a celulite em um estado pior.

Celulite: tratamentos

Antes de tudo, você terá que consultar um médico para ele poder avaliar o estado da sua celulite (que vai de 1 à 4), para assim ele poder indicar um tratamento adequeado. Os tratamentos contra a celulite são:

  1. Mesoterapia: É um procedimento médico aonde se injeta pequenas doses de um fármaco, com pequenas agulhas.
  2. Ultra-som: são ondas sonoras que são capazes de eliminar a gordura. Usa um laser específico para o combate da celulite.
  3. Drenagem linfática: É uma massagem leve e estimulante nos vasos linfáticas, que tem como objetivo provocar a desintoxicação.

Dicas de prevenção

Abaixo confira algumas dicas para você prevenir a celulite.

  • Tomar bastante líquidos
  • Usar cremes para combate à celulite diminuem até 10%
  • A lipo não elimina a celulite

Essas foram as dicas de como evitar celulites. Caso você esteja tendo a autoestima prejudicada por causa desse mal, sugiro que você procure logo um médico para iniciar os devido tratamentos. Se sentir bem com seu corpo não tem preço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *